Brasão de Praia Grande  

quinta-feira
19 de maio de 2022

 
 
     
ADMINISTRAÇÃO
ASSISTÊNCIA SOCIAL
ASSUNTOS INSTITUCIONAIS
AVANÇA PG
CIDADANIA
CIDADE TOTAL
CONSELHOS MUNICIPAIS
CORONAVÍRUS - COVID-19
CULTURA
DEFESA CIVIL
DOWNLOADS
EDUCAÇÃO
ESPORTES
FINANÇAS
GABINETE
GALERIA DE FOTOS
GOVERNO
HABITAÇÃO
JOMI 2022
JUVENTUDE
MEIO AMBIENTE
OBRAS
PLANEJAMENTO
PLANO DIRETOR
PROGRAMA CIDADE SUSTENTÁVEL
SAÚDE
SEGURANÇA
SERVIÇOS URBANOS
SERVIDORES
TRÂNSITO
TRANSPORTE
TURISMO
URBANISMO


 
Praia Grande busca conscientizar população para evitar o descarte incorreto de entulho e lixo
Reunião debateu tema nesta quarta (8)
8/5/2019
  Compartilhar no Whatsapp
A Prefeitura de Praia Grande tem buscado alternativas para enfrentar um grave problema, proveniente de comportamento impróprio de uma parcela da população, o descarte incorreto de entulho e lixo. Por conta dessa atitude, para deixar as ruas e avenidas limpas, a Administração Municipal acaba mobilizando mais recursos pessoais e financeiros. Com o objetivo de coibir está prática ilegal, que é um exemplo de falta de cidadania, o Município está trabalhando para conscientizar os munícipes. Mais um passo desse trabalho ocorreu nesta quarta-feira (8). Reunião realizada dentro da programação de atividades do Cidade Total debateu o tema e contou com a participação do prefeito praia-grandense, Alberto Mourão, secretários e gestores municipais, além de representantes de associações dos bairros Antártica (loteamento São Jorge) e Tupiry (Caieiras).

Durante o encontro, o prefeito de Praia Grande, Alberto Mourão, procurou demonstrar para os participantes que manter a Cidade limpa é um dever de todos. O administrador municipal cobrou uma postura diferenciada dos líderes de bairros, profissionais da Educação e Saúde. A ideia é que eles possam atuar como multiplicadores de informações.

“Praia Grande está vivendo um momento ímpar, urbanizada, gerando empregos mesmo na crise e com uma perspectiva muito positiva para o futuro com a chegada de grandes empreendimentos na Cidade. Fora isso, o Município chegará a 100% de coleta e rede de tratamento de esgoto até 2023, além de ter sua totalidade de ruas pavimentadas. Agora estamos perseverando nos ajustes e aprimorando os serviços. Mas é fundamental que a população colabore com as ações, exerça a cidadania e desperte para essa consciência coletiva”, disse Mourão.

O prefeito comentou ainda que umas das principais demandas dentro do programa Cidade Total diz respeito ao descarte incorreto de entulho e lixo. A mega-ação já visitou o Sítio do Campo, Glória, Vila Sônia e Antártica (loteamento São Jorge). Apenas nesses quatro primeiros bairros, foram recolhidas 1.330 toneladas desses materiais. Somente na Vila Sônia foram mais de 500 toneladas.

A Prefeitura disponibiliza uma série de serviços. A Cidade conta com as coletas domiciliar, seletiva e solidária. A atuação do Rapa-treco e as 15 unidades dos Ecopontos também se destacam nessas ações reforçando o compromisso da Administração Municipal em manter o Município limpo, a atuação ligada as questões ambientais e de sustentabilidade.

“No dia 17 de maio vamos iniciar de forma oficial a ampliação do serviço de coleta seletiva da Cidade. O número de caminhões destinado a este serviço será dobrado. A coleta seletiva passará a operar nos mesmos dias da domiciliar, passando meia horas antes para recolher os materiais recicláveis. É preciso que a população também apoie este trabalho que beneficiará as duas cooperativas existentes na Cidade gerando renda para cerca de 100 famílias. No futuro, com o aumento da reciclagem, existe a possiblidade de criação de mais uma ou duas cooperativas”, comentou o prefeito.

Ainda na reunião foram transmitidas informações aos participantes sobre o desenvolvimento do Cidade Total. Um material especial com fotos e dados foi apresentado e entregue. Os líderes comunitários ficaram surpresos com a quantidade de entulho e lixo descartado de forma irregular pela população e retirado das vias.

“Todos temos que nos comprometer em mudar esta situação. Cada um deve fazer a sua parte. Vou conversar com meus familiares, vizinhos e todos da comunidade. É hora de agir. A Prefeitura está fazendo sua parte, não podemos falhar”, declarou a líder comunitário do Caieiras, Maria Regina dos Santos Moraes, conhecida como ‘Maria do Caieiras’.

O presidente da ONG Projeto Criança Feliz, do Bairro Antártica, Mário Sérgio Ferreira, deixou a reunião motivado com as informações dos serviços disponibilizados pela Prefeitura e comprometido em mudar este cenário de falta de cidadania de algumas pessoas. “Temos que conversar com cada um. A quantidade de bueiros entupidos por causa da sujeira jogada nas ruas e que vem sendo encontrado no Cidade Total é inadmissível. Praia Grande não merece isso. É nossa função colaborar de alguma forma para mudar isto”.

A secretária de Educação de Praia Grande, Nanci Solano Tavares de Almeida, que participou da reunião, afirmou que o trabalho do setor de Educação Ambiental da Seduc busca desenvolver uma consciência ambiental com os alunos municipais e que serão propostas novas ações deste tipo. “A Educação é transformadora. Esse é o caminho. A criança leva a informação para dentro da casa. A partir daí o tema é debatido e a postura das pessoas será modificada”.

Cidade Total - A mega-ação conta com trabalhos voltados a manutenção, cidadania, conscientização e soluções de demandas apontadas pela própria população. Válido destacar que todas as regiões do Município receberão o programa.

Estão envolvidas no programa de enfrentamento aos problemas as seguintes secretarias: Serviços Urbanos, Urbanismo, Saúde, Obras, Planejamento, Meio Ambiente, Governo, Gabinete, Assistência Social, Trânsito e Transporte. Para conhecer a demanda de cada bairro, a Subsecretaria de Ações de Cidadania da Prefeitura realizou um raio X de cada área.




página anterior topo da página
Banco de Imagens
 
Pontos Turísticos
 
Câmeras
 
Ouvidoria
 
 
 

 HOME
 A CIDADE
 ESTRUTURA DE GOVERNO
 SERVIÇOS ONLINE
 NOTÍCIAS
 OUVIDORIA
 PORTAL DA TRANSPARÊNCIA
 POLÍTICA DE PRIVACIDADE
  Acompanhe Praia Grande
nas Redes Socias