Brasão de Praia Grande  

segunda-feira
27 de junho de 2022

 
 
     
ADMINISTRAÇÃO
ASSISTÊNCIA SOCIAL
ASSUNTOS INSTITUCIONAIS
AVANÇA PG
CIDADANIA
CIDADE TOTAL
CONSELHOS MUNICIPAIS
CORONAVÍRUS - COVID-19
CULTURA
DEFESA CIVIL
DOWNLOADS
EDUCAÇÃO
ESPORTES
FINANÇAS
GABINETE
GALERIA DE FOTOS
GOVERNO
HABITAÇÃO
JOMI 2022
JUVENTUDE
MEIO AMBIENTE
OBRAS
PLANEJAMENTO
PLANO DIRETOR
PROGRAMA CIDADE SUSTENTÁVEL
SAÚDE
SEGURANÇA
SERVIÇOS URBANOS
SERVIDORES
TRÂNSITO
TRANSPORTE
TURISMO
URBANISMO


 
Prefeitura fiscaliza ações preventivas ao coronavírus em feiras livres
Permissionários e funcionários das bancas devem respeitar as normas
16/3/2021
  Compartilhar no Whatsapp
A Prefeitura de Praia Grande está intensificando os trabalhos de
orientação sobre a obediência às medidas sanitárias para evitar a
disseminação do coronavírus, nas feiras livres da Cidade, onde está
conscientizando os responsáveis e funcionários das bancas para que
respeitem as normas de distanciamento entre as barracas, distanciamento
social, uso obrigatório de máscaras, além de álcool em gel. Os agentes de
fiscalização vão de barraca em barraca observando e orientando os
permissionários, sempre com o objetivo de adequar o trabalho dos feirantes
à nova realidade. Os trabalhos estão sendo coordenados pela Secretaria de
Urbanismo (Seurb). As equipes da Subsecretaria de Controle Urbano (Contru)
estão executando as ações nas 16 feiras realizadas semanalmente na Cidade.
No dia de hoje foi a vez da feira do Bairro Sítio do Campo receber a
fiscalização.

A permissionária Luciana Maekawa Sasaki, que comercializa pastéis,
salgados e refrigerantes, disse ser importante obedecer às boas práticas
de higiene, que sempre foram necessárias para garantir a segurança do
alimento, e que no contexto da COVID-19 essas medidas são ainda mais
importantes para evitar a contaminação. “Nós entendemos a preocupação da
Prefeitura e neste momento manter o rigor e colaborar com o cumprimento
das normas, com o uso de máscaras, a disposição do álcool em gel, além do
distanciamento social é o que cada pessoa pode fazer para contribuir e
proteger sua saúde”.

O comerciante de caldo de cana Lucas Oliveira concordou com Luciana, mas
acrescentou sua preocupação: “nós fazemos nossa parte, inclusive exigimos
de nossos clientes o uso da máscara, por exemplo. O atendimento tipo
delivery também é obedecido. A maioria usa a máscara e entende a
importância das ações, mas uma minoria ainda resiste, quer tomar seu caldo
de cana no balcão, e somos obrigados a ficar nos explicando, repetindo
sobre as ações preventivas, o que causa desconforto tanto para o cliente
como para comerciante. Espero que o conhecimento sobre essas regras chegue
para todos e que entendam. Facilitaria muito nosso trabalho”.

Os Agentes de Fiscalização Vanderlei Marinho Ferreira e Elaine dos Santos,
responsáveis pelas ações na feira do Bairro Sítio do Campo, ressaltaram
que a Administração Municipal e os feirantes estão tomando todas as
precauções para que as feiras livres sejam seguras para todos. “Ainda
encontramos um ou outro permissionário que resiste ao uso da máscara.
Nosso trabalho tem sido de orientação. Não aconteceu desta vez, mas no
caso de ser lavrada a notificação, será realizada posteriormente nova
vistoria e a reincidência acarretará em autuação e poderá mesmo chegar a
suspensão da licença do permissionário”, explicou o Agente Vanderlei, que
é conhecido popularmente por Marinho. A Agente Elaine ressaltou ainda, que
o cidadão também precisa colaborar: “A Prefeitura exige os cuidados dos
feirantes, mas os frequentadores das feiras livres também devem fazer sua
parte, respeitando as orientações. Todos precisamos agir juntos para
acabar com a disseminação desse vírus”.

A moradora Maronita Alves Alcantara é frequentadora assídua da feira livre
no bairro Sítio do Campo e ao verificar a fiscalização e o motivo ficou
muito satisfeita. “Todas as medidas preventivas a esse vírus são muito
importantes, com certeza. Já tinha perdido uma cunhada para essa doença e
nesta semana foi um primo, ambos residentes no Paraná. Pessoas
importantes, queridas. O que me deixa triste é que se cada um fizesse sua
parte muitas mortes poderiam ser evitadas. A máscara não atrapalha em nada
e nem incomoda. Eu já acostumei. Só saio para os lugares que preciso ir e
sempre fico atenta, uso o álcool gel. A Prefeitura faz muito bem em
fiscalizar o comércio. Alguns não usavam, mas agora estão todos aí de
máscaras”.

Para Valdemar Rego Domingos, também consumidor na feira do Bairro Sítio do
Campo, as medidas preventivas são fundamentais: “é simples e lógico. Todos
cientistas enfatizam a importância dessas ações. Não tem nem porque
contestar. Temos que parar de acreditar em gente que não entende do
assunto e dar todo crédito à ciência, ao conhecimento. Acreditar nos
especialistas, não nos achistas de momento. A Prefeitura nem deveria estar
fiscalizando. Todos deveriam estar obedecendo às medidas preventivas,
porque só assim e com a vacinação o Brasil vai vencer esta doença”.



página anterior topo da página
Banco de Imagens
 
Pontos Turísticos
 
Câmeras
 
Ouvidoria
 
 
 

 HOME
 A CIDADE
 ESTRUTURA DE GOVERNO
 SERVIÇOS ONLINE
 NOTÍCIAS
 OUVIDORIA
 PORTAL DA TRANSPARÊNCIA
 POLÍTICA DE PRIVACIDADE
  Acompanhe Praia Grande
nas Redes Socias