Brasão de Praia Grande  

domingo
5 de fevereiro de 2023

 
 
     
ADMINISTRAÇÃO
ASSISTÊNCIA SOCIAL
ASSUNTOS INSTITUCIONAIS
AVANÇA PG
CIDADANIA
CIDADE TOTAL
CONSELHOS MUNICIPAIS
CORONAVÍRUS - COVID-19
CULTURA
DEFESA CIVIL
DOWNLOADS
EDUCAÇÃO
ESPORTES
FINANÇAS
GABINETE
GALERIA DE FOTOS
GOVERNO
HABITAÇÃO
JEESP 2022
JOMI 2022
JUVENTUDE
MEIO AMBIENTE
OBRAS
PLANEJAMENTO
PLANO DIRETOR
PROGRAMA CIDADE SUSTENTÁVEL
SAÚDE
SEGURANÇA
SERVIÇOS URBANOS
SERVIDORES
TRÂNSITO
TRANSPORTE
TURISMO
URBANISMO


 
Reunião entre Prefeitura e Sabesp busca eficiência da coleta de esgoto em PG
Município busca soluções para viabilizar ligações domiciliares à rede de esgoto
16/2/2022 | Maria Souza , MTB: 60.089
  Compartilhar no Whatsapp
A Prefeitura de Praia Grande, através da Secretaria de Planejamento, acompanha as ações da Sabesp voltadas à ampliação da rede de esgoto do Município. Na tarde de segunda-feira (14), uma reunião tratou do tema e evidenciou o grande interesse da Cidade na urgência por parcerias para viabilizar novas ligações domiciliares à população em situação de vulnerabilidade social, de maneira que todo o investimento do Plano de Abastecimento de Água e Esgoto seja, de fato, bem utilizado pela população.

A iniciativa visa contribuir com indicadores de saúde pública e balneabilidade das praias com a destinação adequada do esgoto. Atualmente, Praia Grande registra 100% nas coberturas dos serviços de abastecimento de água e 82,7% dos serviços de esgotamento sanitário. De acordo com o último contrato com a Sabesp, já está prevista a universalização dos serviços para 95% de cobertura de esgotamento sanitário até 2028.

Todo o processo de ampliação da área de cobertura da Rede e o cumprimento do Plano de Abastecimento de Água e Esgoto é acompanhado pela Seplan, mas em certo momento, com a rede instalada, cabe ao dono do imóvel executar a ligação domiciliar. Sobre isso, a Sabesp confirmou o plano de ampliação da rede em diversas regiões da Cidade e citou a dificuldade em alguns bairros, onde vivem famílias carentes, que não têm recursos financeiro para efetuar a ligação. Ou seja, apesar de a rede existir, o imóvel continua utilizando fossa séptica, até por falta de recurso do munícipe para a ligação regular.

A secretária de Planejamento, Eliana Cristina Jerônimo Ferreira, afirmou que o Município está à disposição da Sabesp para auxiliar e viabilizar essa questão. “Nossa intenção é facilitar e encontrar soluções para ajudar essa parcela da população a se integrar a rede coletora de esgoto. A busca de parceria com a Sabesp é com intuito de oferecer a ligação domiciliar à população mais vulnerável de maneira que todo o investimento já realizado não seja em vão”.

Para a superintendente Regional da Sabesp, Olivia Pompeu Mendonça Coelho, a companhia está trabalhando para cumprir o que foi estabelecido em contrato, mas em alguns casos encontra dificuldades e, por isso, esse suporte da Prefeitura é fundamental. “Só com o projeto “Se Liga na Rede”, a Sabesp tinha a meta de realizar em 2019 e 2020 cerca de 3400 ligações, dessas cerca de 1 mil foram inviabilizadas. A retomada do programa, tem previsão inicial de contemplar de 800 a 1 mil imóveis com ligações em Praia Grande. Por isso, é tão importante alinharmos os fatos e buscarmos iniciativas em conjunto para melhorar a eficiência do sistema”.

Programas - O “Se liga na rede” é um programa que subsidia a execução de ramais domiciliares para ligação ao sistema de coleta de esgoto implantado. Já o “Esgoto certo”, identifica as ligações irregulares e notifica o morador para a regularização.



página anterior topo da página
Banco de Imagens
 
Pontos Turísticos
 
Câmeras
 
Ouvidoria
 
 
 

 HOME
 A CIDADE
 ESTRUTURA DE GOVERNO
 SERVIÇOS ONLINE
 NOTÍCIAS
 OUVIDORIA
 PORTAL DA TRANSPARÊNCIA
 POLÍTICA DE PRIVACIDADE
 MAPA DO SITE
  Acompanhe Praia Grande
nas Redes Socias