Brasão de Praia Grande  

domingo
4 de dezembro de 2022

 
 
     
ADMINISTRAÇÃO
ASSISTÊNCIA SOCIAL
ASSUNTOS INSTITUCIONAIS
AVANÇA PG
CIDADANIA
CIDADE TOTAL
CONSELHOS MUNICIPAIS
CORONAVÍRUS - COVID-19
CULTURA
DEFESA CIVIL
DOWNLOADS
EDUCAÇÃO
ESPORTES
FINANÇAS
GABINETE
GALERIA DE FOTOS
GOVERNO
HABITAÇÃO
JEESP 2022
JOMI 2022
JUVENTUDE
MEIO AMBIENTE
OBRAS
PLANEJAMENTO
PLANO DIRETOR
PROGRAMA CIDADE SUSTENTÁVEL
SAÚDE
SEGURANÇA
SERVIÇOS URBANOS
SERVIDORES
TRÂNSITO
TRANSPORTE
TURISMO
URBANISMO


Foto: Fred Casagrande
 
Usafa Tude Bastos inicia projeto Roda de Terapia Comunitária Integrativa pós-covid
Ação tem como objetivo realizar o acolhimento psicológico dos pacientes
20/9/2022 | Aline Gomes , MTB: 64.010
  Compartilhar no Whatsapp
Colaboração Rodrigo Herrero

Dar voz e oportunidade de expressar as dores, angústias e fazer o acolhimento desse sofrimento. É esse o principal objetivo da Roda de Terapia Comunitária Integrativa (TCI) da Usafa Tude Bastos. A Unidade iniciou recentemente o projeto com os pacientes cadastrados no local.

“A TCI é um instrumento para se utilizar na saúde, em especial nesse período pós-covid, onde as pessoas ainda estão se recuperando física e psicologicamente. A terapia não entrega nada pronto, ela ajuda a pessoa a encontrar seus próprios caminhos. Este modelo de terapia realiza o acolhimento. As pessoas partilham suas inquietações, seus problemas, a vivência de situações difíceis no presente e no passado”, explica a terapeuta comunitária e diretora da Unidade, Cazandra Roberta Domingos de Oliveira, que trabalha em conjunto com uma equipe composta pela médica Caroline Granjeiro, enfermeiras Jennifer Roque e Maria Edinete Ferreira Lopes, e agentes comunitárias Monica dos Santos, e Giovanna Nabero.

Cerca de 30 pessoas estão participando das sessões que ocorrem quinzenalmente. A sessão da última sexta-feira (16) foi iniciada com uma música que definiu o tema e depois de ouvir, as pessoas puderam se expressar. Gina Leal, pedagoga e participante da terapia, compartilhou com os presentes sua visão. “A música falava sobre o nosso tempo aqui na Terra, que é tão curto. E mesmo a gente sabendo que um dia vamos partir, não conseguimos aproveitar a s coisas, as pessoas, da maneira como gostaríamos. Então, é necessário refletir como estamos vivendo nosso dia a dia”, destacou.

A TCI serve para todas as idades e as pessoas podem compartilhar também suas alegrias e vitórias. “Quando falamos de Terapia Comunitária, estamos falando de um espaço democrático de escuta, focado na superação. Então, os participantes também têm o momento para compartilhar seus exemplos, suas conquistas, que vão inspirar as outras pessoas”, complementou a diretora da Usafa.

Atendimento psicossocial - Praia Grande possui uma rede psicossocial completa para atendimento em saúde mental. São dois Centros de Atenção Psicossocial (Caps II) Boqueirão e Mirim, dividindo a Cidade em duas regiões, o Caps Infantil (Caps i) e o Centro de Atenção Psicossocial Álcool e Drogas (Caps AD III) 24 horas. Os locais contam com médico, psiquiatra, psicólogo, terapeuta ocupacional, equipe de enfermagem.

As Unidades de Saúde da Família (Usafas) também são importantes neste processo de atendimento. A Sesap realizou uma série de treinamentos com os profissionais dessas unidades para que estes locais pudessem atender casos de menor gravidade.

Além disso, as unidades contam com o suporte do Núcleo Ampliado da Saúde da Família na Atenção Básica (Nasf-AB) e do Programa de Residência Multiprofissional em Saúde da Família e Comunidade, que acolhem os pacientes e realizam ações como a terapia comunitária integrativa. A partir de rodas de conversa, os indivíduos são ouvidos e recebem apoio dos profissionais e da comunidade.



página anterior topo da página
Banco de Imagens
 
Pontos Turísticos
 
Câmeras
 
Ouvidoria
 
 
 

 HOME
 A CIDADE
 ESTRUTURA DE GOVERNO
 SERVIÇOS ONLINE
 NOTÍCIAS
 OUVIDORIA
 PORTAL DA TRANSPARÊNCIA
 POLÍTICA DE PRIVACIDADE
 MAPA DO SITE
  Acompanhe Praia Grande
nas Redes Socias