Brasão de Praia Grande  

terça-feira
6 de dezembro de 2022

 
 
     
ADMINISTRAÇÃO
ASSISTÊNCIA SOCIAL
ASSUNTOS INSTITUCIONAIS
AVANÇA PG
CIDADANIA
CIDADE TOTAL
CONSELHOS MUNICIPAIS
CORONAVÍRUS - COVID-19
CULTURA
DEFESA CIVIL
DOWNLOADS
EDUCAÇÃO
ESPORTES
FINANÇAS
GABINETE
GALERIA DE FOTOS
GOVERNO
HABITAÇÃO
JEESP 2022
JOMI 2022
JUVENTUDE
MEIO AMBIENTE
OBRAS
PLANEJAMENTO
PLANO DIRETOR
PROGRAMA CIDADE SUSTENTÁVEL
SAÚDE
SEGURANÇA
SERVIÇOS URBANOS
SERVIDORES
TRÂNSITO
TRANSPORTE
TURISMO
URBANISMO


Foto: Jairo Marques
 
Famílias festejam Dia Nacional da Pessoa com Deficiência no Centro Dia
Unidade atende a cerca de 70 pessoas com deficiências diversas
22/9/2022 | Luciano Agemiro , MTB: 73.143
  Compartilhar no Whatsapp
Os familiares e frequentadores do Centro Dia, voltando exclusivamente ao atendimento de pessoas com deficiência, no Bairro Vila Sônia, realizaram uma festa na quarta-feira (21). O motivo foi a homenagem ao Dia Nacional da Pessoa com Deficiência. O momento foi de diversão e interação entre os participantes.

A festa começou com um teatro interativo, onde os convidados eram incentivados a reagirem com ações como abraços, aperto de mão a cada vez que surgia determinadas palavras.

Em seguida, uma aula de alongamento, oferecida pelo professor de Educação Física, Henrique Amaral. Antes de trabalhar em sua área de formação, o professor era funcionário do Centro Dia e conhece a rotina do local. “É a primeira vez que volto aqui depois que me afastei, há cerca de 2 anos. Eu me humanizei aqui, aprendi valores, me desenvolvi como pessoa”.

Depois do alongamento, os participantes dançaram e brincaram de ‘estátua’, quando se divertiram muito com os funcionários de convidados da festa. O encontro terminou com um lanche especial, com bolos doces e salgados, pães recheados, frutas, sucos e outros quitutes.

A presidente do Fundo Social de Solidariedade, Maria Del Carmen Padin Mourão, a Maruca, foi convidada do evento e se divertiu com os frequentadores do local. “Em momentos como este vemos a felicidade destes atendidos. O carinho dos servidores daqui é fundamental para o desenvolvimento dos frequentadores”.

A dona de casa Maria Elisabete do Nascimento, mãe de Daniele Caroline do Nascimento, de 27 anos, explica que a vida de ambas mudou muito depois de conhecer o Centro Dia. “Minha filha adora vir para cá. Espero que esse lugar funcione durante muitos anos. Todo os dias ela vem, se diverte com os amigos e não quer ir embora. Faz quatro anos que ela é atendida aqui”.

O aposentado João Pincelli Neto, de 79 anos, acompanhou o filho, Fábio Gomes Pincelli, de 45 anos, na festa do Centro Dia. O aposentado mudou de vida há cerca de 2 anos quando perdeu a esposa e mudou para Praia Grande. “Ele adora vir para cá. Tive até que criar rotinas para os dias que não vem. Aos sábados ele só se acalma quando vê os programas de televisão. Domingo é o dia de pastel na feira”.

Setembro Verde - Além exemplo de outras campanhas, o “Setembro Verde” é voltado a inclusão social, ou seja, incentiva a inclusão de pessoas com deficiências na sociedade. O Centro Dia é um dos lugares onde se concentram pessoas com as mais variadas histórias de superação e inclusão.

O Centro Dia da Pessoa com Deficiência Antônio Tavares Santana (antigo Centro Socioterapêutico) é um local que oferece atenção individualizada, desenvolvendo ações que buscam inserir os atendidos na sociedade, respeitando suas limitações e investindo em seus potenciais. No Equipamento são atendidas cerca de 70 pessoas com diversos tipos de deficiência.



página anterior topo da página
Banco de Imagens
 
Pontos Turísticos
 
Câmeras
 
Ouvidoria
 
 
 

 HOME
 A CIDADE
 ESTRUTURA DE GOVERNO
 SERVIÇOS ONLINE
 NOTÍCIAS
 OUVIDORIA
 PORTAL DA TRANSPARÊNCIA
 POLÍTICA DE PRIVACIDADE
 MAPA DO SITE
  Acompanhe Praia Grande
nas Redes Socias