Brasão de Praia Grande  

terça-feira
31 de janeiro de 2023

 
 
     
ADMINISTRAÇÃO
ASSISTÊNCIA SOCIAL
ASSUNTOS INSTITUCIONAIS
AVANÇA PG
CIDADANIA
CIDADE TOTAL
CONSELHOS MUNICIPAIS
CORONAVÍRUS - COVID-19
CULTURA
DEFESA CIVIL
DOWNLOADS
EDUCAÇÃO
ESPORTES
FINANÇAS
GABINETE
GALERIA DE FOTOS
GOVERNO
HABITAÇÃO
JEESP 2022
JOMI 2022
JUVENTUDE
MEIO AMBIENTE
OBRAS
PLANEJAMENTO
PLANO DIRETOR
PROGRAMA CIDADE SUSTENTÁVEL
SAÚDE
SEGURANÇA
SERVIÇOS URBANOS
SERVIDORES
TRÂNSITO
TRANSPORTE
TURISMO
URBANISMO


Foto: FELIPE FRANÇA
 
EM Felipe Avelino promove festa literária com Página a Página
Flifam movimentou a unidade de ensino na quinta e sexta-feira (29 e 30)
3/10/2022 | Daniel Elias, MTB: 59.233
  Compartilhar no Whatsapp
Além de promover o incentivo à leitura, o programa Página a Página tem movimentado as escolas municipais de Praia Grande. Desta vez, a iniciativa da Secretaria de Educação (Seduc) serviu como base para a realização da Festa Literária Felipe Avelino Moraes (Flifam). As atividades, desenvolvidas pela EM Vereador Felipe Avelino de Moraes, ocorreram quinta e sexta-feira (29 e 30) e contaram com a exposição dos trabalhos e um concurso literário.

As ações foram organizadas pelos professores de língua portuguesa da unidade, porém contaram com a participação de docentes das demais disciplinas. Todos os trabalhos promovidos pelos alunos foram com base nos livros distribuídos pelas maletas do Página a Página e lido por eles, com a supervisão dos educadores. Cada segmento de ensino selecionou uma obra literária para desenvolver o projeto.

No primeiro dia de atividades ocorreu a exposição dos trabalhos. Em cada sala de aula, os alunos compartilhavam com os demais colegas de outras turmas detalhes sobre as obras literárias. Para isso, os jovens realizaram apresentações teatrais e de músicas. Alguns dos locais foram transformados em espaços para apreciar os trabalhos em formas de cartazes e maquetes.

Os livros também serviram como base para o concurso literário realizado no segundo dia de atividades. Os alunos tiveram que cumprir as tarefas estabelecidas com referência nas histórias selecionadas. Em uma das provas, os jovens precisavam fazer a caracterização de uma das personagens, já na outra foram provocados a fazer um poema com referência na temática abordada pelo exemplar distribuído pelo Página a Página.

Para desenvolver a criatividade, os jovens fizeram a produção de uma paródia relacionada ao trecho que acharam mais interessante da obra literária. Em outra tarefa, os alunos apresentaram uma coreografia também inspirada no livro. De acordo com a professora, Renata Alves Camelo, a edição deste ano do Flifam foi voltada integralmente para promover o protagonismo dos estudantes.

“Alguns destes alunos estavam no quarto ano antes da pandemia. Eles perderam um pouco do aprendizado no que diz respeito a apresentações. Por isso, resolvemos trabalhar com eles essa questão até para amadurecer melhor tal prática”, explicou a professora. “Estou muito satisfeita com o resultado. Porque isso é uma escola viva. Onde os jovens podem experimentar diferentes situações e aprender como cada uma delas”.

Retorno – A primeira edição da Flifam aconteceu em 2019. Nos últimos dois anos, a Festa Literária foi ajustada para a versão remota por conta da pandemia. Em 2022, o evento retornou para o formato presencial. Segundo a assistente técnica pedagógica (ATP) da unidade, Valquíria Carneiro Silva Benício, o programa Página a Página serviu como base para o desenvolvimento do projeto.

“O produto final apresentado foi construído ao longo do desenvolvimento do projeto que teve início em março com a chegada do Página a Página”, destacou Valquíria Benício. “A distribuição dos livros para todos os alunos facilitou a realização da proposta pedagógica. E o mais interessante, que da forma que foi feito o Flifam, eles ainda puderam compartilhar com as demais turmas o conteúdo que aprenderam por meio dos livros”.

O diretor da Coordenadoria de Ensino Fundamental, Israel Batista, destacou a importância de ações como o Flifam pois despertam o protagonismo dos alunos. “É algo que não conseguimos observar no dia a dia de aulas. E eventos como o Flifam os jovens têm a oportunidade de atuar de forma mais efetiva e o professor melhor avaliar. Fora que momentos como esse lapidam o estudante como cidadão também”.





página anterior topo da página
Banco de Imagens
 
Pontos Turísticos
 
Câmeras
 
Ouvidoria
 
 
 

 HOME
 A CIDADE
 ESTRUTURA DE GOVERNO
 SERVIÇOS ONLINE
 NOTÍCIAS
 OUVIDORIA
 PORTAL DA TRANSPARÊNCIA
 POLÍTICA DE PRIVACIDADE
 MAPA DO SITE
  Acompanhe Praia Grande
nas Redes Socias